Passo doble: o que é e quais são as características dessa dança

Você conhece o passo doble? Inspirado na festa mais popular da Espanha, as corridas de touro, essa dança faz parte da história e do folclore espanhol e é considerada um símbolo daquele país. Um ritmo alegre e cheio de elegância, ele erroneamente é confundido com a dança flamenca, mas são duas danças espanholas distintas.

Neste post, nós contamos um pouco sobre essa dança, como são seus movimentos e detalhamos as vestimentas utilizadas nas coreografias. Confira!

Como o passo doble é dançado?

Uma das principais características desse estilo de dança é a atitude durante a apresentação. É necessário que os dançarinos transpareçam elegância enquanto dançam. Para começar, o homem se coloca na frente da parceira, ligeiramente separados, com o olhar fixo um no outro. Essa distância entre eles permite realizar alguns movimentos sem que invadam o espaço alheio.

Em algumas ocasiões, o bailarino pode se separar um pouco da companheira de dança para realizar alguns passos sem correr o risco de tropeçar ou trombar nela. Com um ritmo constante, todos os passos dessa dança são marcados e sem pausas. No nível iniciante, por norma, o homem sempre começa com o pé esquerdo e a mulher com o direito.

Por conta da sua batida ritmada, esse tipo de dança permite que o casal caminhe por qualquer direção e varie essa caminhada sem seguir um padrão. Isso possibilita que a música usada na apresentação marque o início e as pausas dos movimentos realizados pelos dançarinos.

Já as danças nos níveis médio ou avançado podem ser realizadas com paradas completas dos movimentos. Esses passos são mais comuns para os homens que para as mulheres, já que a experiência proporciona a eles a capacidade de recomeçar o movimento de ambos sem que isso interfira na coreografia ou resulte em pisadas nos pés.

É importante frisar que a mulher não exerce um papel submisso nessa dança. O homem simplesmente oferece uma direção de movimentos para a parceira e é ela, ao sentir o corpo do parceiro e ao exercitar a predisposição às mudanças de movimento, que aceita as indicações do bailarino. Isso faz com que ambos controlem as decisões durante a coreografia.

Quais são as vestimentas adequadas para os dançarinos?

Por estar diretamente ligada às touradas espanholas, os trajes dessa dança devem refletir a emoção feroz da luta. Normalmente, o homem é retratado como o toureiro enquanto a parceira faz o papel de sua capa, do próprio touro ou da sombra do parceiro.

Geralmente, as vestimentas do dançarino incluem uma calça, camisa branca, gravata e um terno com ombreiras que lembram as vestimentas de um toureiro ou um colete. Já a roupa adequada para a mulher é composta por um vestido longo com saia cheia e pode incluir um bolero que combine com os adornos da outra peça.

Em relação aos calçados e acessórios, as moças podem utilizar um sapato de salto alto com uma tira amarrada nos tornozelos, para evitar que ele escorregue durante a dança. Para completar o visual, podem usar um leque que combine com a roupa. Os homens podem utilizar um sapato ou bota preta. Já em relação aos acessórios, máscaras e chapéus fazem parte do figurino deles.

Como você pode perceber, essa é uma dança forte e com ritmo marcante que envolve quem dança, mas é bastante diferente do flamenco que, ainda com a mesma origem, apresenta movimentos distintos.

Por fim, é interessante ressaltar a popularização do passo doble no Brasil, pois muitas pessoas têm se interessado por esse estilo devido às apresentações constantes em programas de TV de competição de dança.

Gostou do assunto do texto? Então aproveite para compartilhá-lo em suas redes sociais para fazer com que mais pessoas conheçam essa dança incrível!